Lang.

Menu
InícioPautasA primeira Coca-cola

A primeira Coca-cola

A importância de Natal para o mundo vai além das belezas naturais de seu litoral. A capital potiguar foi a porta de entrada para vários símbolos da cultura pop. Essa fase cosmopolita aconteceu especialmente durante a 2ª Guerra Mundial. Pelo fato de ficar mais próximo da Europa, na época considerada o centro do mundo, Natal serviu de base militar para os Estados Unidos e, em consequência disso, acabou importando produtos consumidos pelos americanos e o próprio modo de vida dos conterrâneos do Tio Sam.

Por conta dessa influência, Natal foi a primeira cidade da América do Sul a beber coca-cola. Isso mesmo. O refrigerante mais consumido e conhecido do mundo chegou ao país pela cidade do sol. Os americanos instalaram aqui, em 1942, a quarta fábrica de coca-cola do planeta e saciaram a sede tanto dos militares em guerra como dos nativos que experimentaram, pela primeira vez, a novidade.

Outro símbolo dos EUA que também chegou primeiro por aqui foi o chiclete. Com o objetivo de aliviar o estresse dos soldados, o produto passou a ser comercializado em Natal. A estratégia deu certo e ganhou um mercado promissor. Após a guerra, as vendas de chicletes dispararam na cidade.

Tudo era novidade quando os americanos desembarcaram por aqui. Foi assim também com os óculos dos aviadores, modelo difundido desde aquela época e hoje conhecido em todo o mundo como Ray-ban. Os óculos fizeram muito sucesso. Os norte-americanos presentearam nativos com os modelos, que também eram vendidos. 

Marca Horizontal

Marca Horizontal

 

Marca Horizontal

Marca Horizontal

Marca Horizontal

Marca Horizontal

Go to top